Videoprovas em Libras estão em fase final de produção

Modalidade de prova é disponibilizada desde 2017 e faz parte do conjunto de iniciativas relacionadas à Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep  –

 OInstituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) está na etapa final de produção das videoprovas em Língua Brasileira de Sinais (Libras) para os participantes surdos e deficientes auditivos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. A oferta dessa modalidade de prova é direcionada à comunidade surda que tem Libras como primeira língua. A medida também faz parte do conjunto de iniciativas que compõem a Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep. 

No total, 6.121.363 pessoas se inscreveram para o Enem 2020. Desses inscritos, 52.598 correspondem a participantes que solicitaram, em geral, algum tipo de atendimento especializado. Desse total, 1.353 declararam ser surdos e 2.487 informaram possuir deficiência auditiva. A preparação das videoprovas conta com 16 profissionais, divididos entre as funções de tradutor, revisor, cinegrafista, intérprete, editor e coordenador. 

A matriz de referência da prova em vídeo é a mesma da aplicada ao público geral, assim como a estrutura da avaliação, com 45 questões em cada uma das quatro áreas do conhecimento avaliadas. O conteúdo motivador e o tema da redação também são traduzidos para Libras e o próprio participante transcreve o texto para a folha de redação. Vale destacar que os portadores de deficiência auditiva e surdos — desde que tenham o laudo aprovado — possuem direito a uma banca especial de correção das redações. Essa banca leva em consideração todas as características linguísticas dessa população.

Videoprovas – As videoprovas são disponibilizadas pelo Inep desde 2017, quando a instituição também levou o tema “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil” à redação do Enem, promovendo um amplo debate sobre o assunto. Desde 2018, a autarquia utiliza o selo Enem em Libras, com o objetivo de disponibilizar todo o conteúdo relacionado ao exame em Língua Brasileira de Sinais. 

Plataforma – Ainda em 2018, o Inep disponibilizou a Plataforma Videoprova em Libras, na qual a modalidade de prova pode ser acessada em interface similar à adotada na aplicação. Os vídeos ainda contêm os enunciados e as opções de respostas, permitindo que surdos e deficientes auditivos estudem no mesmo formato acessível em que elas são aplicadas. Dessa forma, os participantes podem se preparar melhor, inclusive com a possibilidade de assistir aos vídeos das questões e conferir o gabarito.

Enem em Libras – A iniciativa marca o esforço do Inep para garantir que editais, provas, cartilhas, campanhas e demais materiais de seus exames e avaliações sejam acessíveis. Desse modo, a autarquia reafirma o seu compromisso com a comunidade surda e com um futuro melhor por meio da educação. Ao longo da história do Enem, o atendimento às diferentes necessidades dos participantes surdos e deficientes auditivos tem sido uma preocupação do Inep. 

Enem – Realizado anualmente pelo Inep desde 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar ao final da educação básica. A estrutura do exame conta com uma redação e 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

Estude pelas questões da videoprova em Libras

Confira a playlist Enem em Libras | Canal do Inep no Youtube

Saiba mais sobre o Enem em Libras

Saiba mais sobre o Enem

INEP – 16.11.2020

Fonte:http://: http://gestaouniversitaria.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *