Sinop será pioneira no Brasil a construir escola municipal bilíngue para Surdos

Após várias reuniões online e visitas a Brasília desde o início da gestão, a Prefeitura de Sinop foi contemplada, através de uma parceria entre a Prefeitura e o Governo Federal, junto a Secretaria de Modalidades Especializadas de Educação do MEC, para construção da primeira Escola Municipal Bilíngue para Surdos. A unidade a ser construída em Sinop contará com 5 salas, refeitório, biblioteca, sala de informática e ginásio de esportes.

A previsão é atender mais de 100 alunos em tempo integral, em um espaço de mais de 8 mil metros quadrados, contemplando além do município, toda a região norte de Mato Grosso. A escola trabalhará com o ensino regular, atividades complementares, sala de recursos, utilizando como língua de instrução e comunicação a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), onde terá professores surdos e ouvintes bilíngues que realizarão esse trabalho, para que os alunos desenvolvam a comunicação e escolarização em língua de sinais e a língua portuguesa na modalidade escrita, desenvolvendo várias outras habilidades.

Vivenciando a realização de um desejo da comunidade surda de Sinop, o prefeito Roberto Dorner, deu todo apoio ao projeto. “Momento muito importante para nossa gestão, desde o ano passado, junto à secretária de Educação, estamos correndo atrás desse projeto. Fomos à Brasília, protocolamos o pedido junto ao MEC e recentemente tivemos a notícia que fomos contemplados com a construção de uma Escola Municipal Bilíngue para Surdos. Essa grande conquista, que beneficiará não só os Surdos no nosso município, mas de toda região norte. Estamos muito felizes e no caminho certo”, destacou.

A secretária municipal de Educação, Esporte e Cultura, Sandra Donato, fala sobre a satisfação em poder participar desse momento tão importante. “Temos o prazer de participar da história da primeira Escola Bilíngue para Surdos do município. Esse é um momento de realização para toda comunidade surda. Com a implantação dessa escola os alunos terão melhorias na aprendizagem, além de promover inclusão social. Então para nós enquanto administração pública, é um momento histórico não só para Sinop, mas para o Brasil. Quero aqui agradecer toda minha equipe da secretaria de educação que se empenhou ao máximo na realização desse projeto” destacou.

A Secretaria de Assistência Social de Sinop também é parceira dessa ação. “Fizemos questão de acompanhar a secretária Sandra Donato em Brasília, e articular junto a ela e ao Governo Federal para que esse sonho se tornasse realidade. Estamos trabalhando desde o início da gestão, para que Sinop seja uma cidade cada vez mais inclusiva e que todos se sintam acolhidos e respeitados aqui. Na Assistência Social, mais de 20 servidores já finalizaram o primeiro ciclo do aprendizado em linguagem de sinais e queremos ampliar esse número e trazer servidores de todas as secretarias para se capacitarem e oferecerem um serviço de melhor qualidade para a população. A construção dessa Escola Bilingue, já é uma grande conquista para nós e para a comunidade surda de Sinop e região”, destacou a secretária da pasta e primeira-dama, Scheila Pedroso

A iniciativa arrancou elogios de toda a comunidade surda, principalmente, do presidente da Associação de Surdos – ASSINOP, Walmir Selegrini. “A partir do nosso referencial, da nossa necessidade, o prefeito e a secretária de Educação, Sandra, atenderam prontamente nosso pedido e não mediram esforços para correr atrás desse grande projeto. E agora Sinop se tornará um polo na educação para surdos, certamente várias famílias virão pra Sinop após a implantação dessa escola. Isso demonstra o respeito da gestão pela comunidade surda. Nós estamos muito felizes e emocionados com essa conquista. Hoje se concretiza um sonho de uma luta de muitos anos. Muito obrigado prefeito por realizar nosso sonho” comentou.

Considera-se que escolas bilíngues são capazes de preparar seus estudantes para a vida através do ensino estruturado, baseado na língua de sinais, a partir do uso das atribuições linguísticas das Libras, facilitando o desenvolvimento e a aprendizagem do aluno surdo em sala de aula.

Fonte:https://www.sinop.mt.gov.br/Noticias/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.